Canaã terá em breve nova Casa Abrigo, para acolhimento de crianças e adolescentes

Crianças e adolescentes que tenham tido direitos violados, ou sofrido violência, poderão ser atendidas em um espaço adequado, que garanta todo o sigilo e atuação multidisciplinar dos profissionais do município, com a construção da nova Casa Abrigo, que já está com obras avançadas.

O local vai contar com refeitório, sala de estar e espaço de convivência, brinquedoteca, sala de estudos, seis suítes, espaço externo com quadra de esportes, e espaço de recreação com playground. “É um espaço bem amplo que dará um ótimo acolhimento para as nossas crianças”, definiu Anali do Carmo, arquiteta da Secretaria Municipal de Obras, responsável pela fiscalização do projeto.

Para o Secretário de Desenvolvimento Social, Ronaldo Araújo, o novo espaço vai assegurar mais qualidade no atendimento às crianças e adolescentes. “É um grande espaço pra atendermos com maior amplitude e dignidade a nossa criança e adolescente que estão, por ventura, com direitos violados”, disse.

O investimento na nova Casa Abrigo é de mais de R$ 1,4 milhão, com recursos da prefeitura e do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. A previsão para o término da obra, prevista em contrato, é em junho de 2021.

Sobre a Casa Abrigo

O serviço de abrigo, segundo diretriz do Ministério de Desenvolvimento Social, visa acolher Crianças e Adolescentes em medidas protetivas por determinação judicial, em decorrência de violação de direitos (abandono, negligência, violência) ou pela impossibilidade de cuidado e proteção por sua família.

O afastamento da criança ou do adolescente da família deve ser uma medida excepcional, aplicada apenas nas situações de grave risco à sua integridade física e/ou psíquica. O objetivo é viabilizar, no menor tempo possível, o retorno seguro ao convívio familiar, prioritariamente na família de origem e, excepcionalmente, em família substituta (por meio de adoção, guarda ou tutela).

COMPARTILHAR