Em Brasília, prefeito participa de reunião sobre fiscalização de barragens de rejeitos

O prefeito de Canaã dos Carajás, Jeová Andrade, participou nesta terça-feira (5), em Brasília, de uma reunião na Agência Nacional de Mineração (ANM), juntamente com membros da Associação de Municípios Mineradores de Minas Gerais (AMIG), para discutir apoio federal na fiscalização e diagnósticos das barragens de rejeitos de minérios.

A ação é uma das medidas que o município tem tomado para garantir a segurança dos moradores que vivem próximo às barragens de mineração no município, e que tem demonstrado preocupação após a tragédia ocorrida em Brumadinho, Minas Gerais.

Na última semana, em viagem a Belém, Jeová já havia protocolado um ofício na Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade, solicitando uma minuciosa vistoria nas barragens de rejeito minerais existentes em Canaã.

Ele justificou que, devido à tragédia recente, “uma avaliação criteriosa é fundamental neste momento”. “A nossa cidade tem grandes projetos minerais e há barragens existentes no município. A Vale afirmou que a situação está sendo monitorada e que não há risco, entretanto, para evitar uma calamidade pública no futuro, é imprescindível essa vistoria e a ideia é que ela aconteça o quanto antes, até para tranquilizar a sociedade. A mineração é importante para a nossa economia e acredito que é possível aliar o desenvolvimento com a preservação ao meio ambiente”, disse.

COMPARTILHAR