Idurb estende prazo para cadastro social no bairro Paraíso das Águas

Seguindo o cronograma de regularização fundiária do bairro Paraíso das Águas, o Instituto de Desenvolvimento Urbano de Canaã dos Carajás (Idurb) já fez o cadastro social de 312 famílias da localidade. Ao todo, 72% dos moradores do bairro estão cadastrados e aguardam agora a próxima etapa do programa. O trabalho das equipes do Idurb aconteceu durante os meses de abril e maio.

Apesar dos bons números e dos avanços no programa de regularização, 134 imóveis estavam fechados durante as visitas para a realização cadastro. Para encontrar os moradores em casa, as equipes alternaram as visitas e as fizeram inclusive em finais de semana.

Para os moradores que ainda não fizeram o cadastro social, o Idurb estendeu o prazo para o atendimento. O cidadão tem agora até o dia 29 de junho para regularizar a sua situação. Os interessados devem solicitar a visita dos profissionais da autarquia através do telefone 3358-1237 ou procurar a sede da entidade, na avenida São João, bairro Jardim Europa.

Em entrevista à rádio Correio FM, Alison Milhomen, diretor-presidente do Idurb, falou sobre a importância do cadastro. “Essa é uma etapa fundamental para o programa de regularização fundiária do Paraíso das Águas. Quem não o fizer, não vai conseguir receber o seu título definitivo. Lembrando que estamos conseguindo cumprir o cronograma criteriosamente e os nossos avanços são nítidos. Acredito que quanto mais pessoas forem atendidas com a documentação, melhor será. O processo é complexo, mas só se faz uma vez e é para toda a vida.”

Alison também falou sobre o agendamento para as visitas. “Uma vez que o morador solicitar a visita, ele deve esperar a equipe em casa já com a documentação pronta. Não são necessárias as cópias dos documentos nessa etapa, somente os originais. Lembrando que o cadastro só pode ser feito na residência da pessoa.”

Segundo o gestor da autarquia, as ruas são José, São Francisco, Santo André e São Bento possuem o maior número de imóveis fechados. Alison pediu o apoio da comunidade na ação. “Essa é uma importante etapa e caso algum vizinho conheça alguém que habite um desses imóveis vazios deve entrar em contato e avisar que estamos fazendo o cadastro social.”

A meta da entidade é concluir a regularização fundiária do Paraíso das Águas ainda em 2018. Para o ano que vem, os bairros Novo Brasil e Santa Vitória serão beneficiados com o programa.